Nas últimas horas, uma série de documentos do processo FTC v Microsoft vazaram, revelando os planos de lançamento da Bethesda para os próximos anos fiscais. É importante ressaltar que esses documentos datam de julho de 2020 e podem não representar os planos atuais da empresa.

No documento vazado, é possível ver que a Bethesda planejava lançar vários títulos nos próximos anos. Entre os jogos já lançados estavam Deathloop, Starfield e Project Hibiki (posteriormente conhecido como Hi-Fi Rush). No entanto, nem todos eles cumpriram suas datas de lançamento previstas.

De acordo com o documento, o jogo de Indiana Jones desenvolvido pela Machine Games estava programado para este ano fiscal, e Elder Scrolls VI era esperado em torno de 2025. Também são mencionados dois remasterizações: The Elder Scrolls IV: Oblivion (originalmente previsto para o ano fiscal de 2022) e Fallout 3 (ano fiscal de 2024).

Além disso, é esperado um novo lançamento de Doom com o título Doom: Year Zero, com um primeiro DLC previsto para o próximo ano fiscal e um segundo DLC para o ano fiscal seguinte.

Quanto aos projetos sem nomes definitivos, menciona-se “Project Kestrel” para o ano fiscal de 2023, seguido por uma expansão em 2024, e “Project Platinum”, bem como um jogo de uma IP licenciada no ano fiscal de 2024.

Embora seja importante ter em mente que esses planos podem ter mudado desde 2020, esses documentos nos dão uma ideia do potencial futuro da Bethesda sob a aquisição da Microsoft.

Fonte: The Verge